Pescando com engodo

Para quem pesca em costões ou até mesmo embarcado, a opção de oferecer alimento para atrair os peixes sempre foi eficaz. Os engodos e sua correta utilização revestem-se de especial importância no sucesso de algumas técnicas utilizadas, aproximando o peixe do nosso pesqueiro com o objetivo de alimentação e captura.
No entanto exitem algumas “regras” básicas para que possamos comprovar os seus efeitos.

O que é o engodo?
O engodo é uma oferta de alimento em maior porcentagem que a encontrada no ambiente natural, seja ele qual for. A sua finalidade é apenas proporcionar ao peixe a tranquilidade de alimentar-se em um determinado local ou área, de modo a concentrarmos a ação de pesca naquele local, uma vez que o peixe se alimenta com o engodo jogado no local.

Tipos de engodo:
Existe vários tipo de engodo no local onde estaremos realizando as nossas pescarias. O engodo natural que pode ser capturado na baixa maré, mas sacrificar essas espécies como : caranguejos, mexilhões, ouriços etc não é recomendado. Podemos utilizar a sardinha congelada pois além de farta é um engodo barato e não existe nenhum peixe que não goste da sardinha pois é cobiçada por todas as espécies marinhas.

Como engodar:
Se deve engodar sempre um pouco de cada vez mas sempre de forma continua, para atrair o peixe. Com o pesqueiro feito é conveniente ir lançando de vez em quando, levemente aguado ou em pequenos pedaços, para cima das pedras de forma a ser o mar através das ondulações a vir buscar esses pedaços.
Normalmente fazemos a engodagem à mão. DICA: conserve o óleo das latas de sardinhas, cavala e atum que você consome em casa. Esse óleo além de conter pequenos pedaços de peixe possue a gordura e o cheiro mais que suficientes para atrair os peixes.
Em dias de forte corrente e com a maré baixando faz com que o peixe se afaste ou permaneça em locais mais afastados, onde a correnteza perde força. A não ser que o pesqueiro escolhido tenha caracteristicas que lhe permita conservar o engodo na água durante a movimentação da maré.
Você também pode colocar o engodo em um saco furado e pendura-lo na pedra deixando escorrer aos poucos a água com o cheiro da sardinha. Com isso você deverá ter resultado na suas pescarias, já que a utilização do engodo se provou ser bastante eficaz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *