Conheça alguns dos principais pesqueiros encontrados no Rio

Como podemos reparar o Rio de Janeiro possui uma das melhores opções para a pesca em todo o vasto litoral Brasileiro. Seja em qualquer tipo de modalidade de pesca, o esportista encontra, em um raio de até 150 km, quaisquer modalidades de pesca ou espécie de peixes que desejar e com fartura. Mar, rios, represas ou canais, praias, costões, ilhas, barcos, traineiras ou pesca de oceano, robalos-flecha, tucunarés, dourados (tanto o de água salgada como o de doce), pirapitingas, trutas, pampos e mais uma incontável variedade para encher os olhos dos fãs do esporte. Onde, como e o que cariocas ou visitantes quiserem pescar, o Rio de Janeiro tem. Como exemplo disso é a quantidade de turistas de pesca cada vez mas visitando a nossa cidade em busca de fortes emoções.
É importante porém, salientar dois aspectos básicos, um de cada das modalidades abordadas.
A pesca de praia pode ser considerada, dentre todas as modalidades conhecidas, a mais complexa. Porque, além de técnicas, o pescador precisa saber interpretar todas as circunstâncias meteorológicas e naturais possíveis, como mar agitado, ventos, correntezas e marés, entre outras. Isso exige raciocínio lógico e material adequado para arremessos em distâncias variadas, também é necessário um bom grau de experiência para não se frustrar ao sair da praia com poucas capturas.
Para isso o Jornal Rio Pesca foi em busca dos mas conhecidos pesqueiros do nosso litoral e conversamos com os frequentadores para decifrar a infraestrutura do local e para que os visitantes conheçam os tipos de peixes encontrados nesses pesqueiros como mostra a tabela ao lado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *